poemas de Lila Maia

CENAS DO ATERRO DO FLAMENGO

João é mudo.
                           Tereza surda.
João está sempre gesticulando
como se tivesse aves repentinas nas mãos.
Tereza lembra paisagem: atenta, alheia.
Uma vez os vi abraçados,
mas logo se tornaram rosas vermelhas.
João batia no peito e muitas penas voavam.


 Tereza tem a força do mar.

CONJUGAÇÃO

Um quadro de Van Gogh
ou um verso de Cecília
não tiram de mim a imperfeição.
Sei quando a noite é insulto
e que não terei à minha porta as quatro estações.
Nem os deuses, nem as salamandras com seus poderes
hão de me livrar do cansaço, dos punhais,
deste céu escuro, atormentado.


Aquilo que mais sei sempre me atravessa,
não se eterniza.
Ainda que eu saiba a cor dos meus desejos
continuo bebendo desta taça funda,
mas não darei nome a tanta sede.

FEROCIDADE SÚBITA

Escancarados passos dou em nome da paixão.
Sem nenhum tato o fogo avança
me devora cego
depois me acorda estou só e degolada.
Entre pernas, dedos,segredos,
o espaço desgrenhado do quarto.
Não dá para confundir ais e bem-te-vis
nem a braguilha aberta da calça.

Com o beijo, com a faca,
quase a um palmo da paixão,
te corto às cegas, sem memória.
O que respinga do quarto não é sangue,
é a minha boca molhada, acesa e sã.



FELICIDADE


Toma, homem,
este é meu corpo.
Barco a vela
como qualquer embarcação.
Nas marés da sorte,
a maturidade de ir dominando o fogo.
Os enganos não enganam mais.
Gosto deste ai não lírico,
do meu jeito cigano de nunca mais acreditar.


Toma, homem,
estas batidas mínimas.
O que chamo amor está em Bangcoc, Beirute.
E visto a roupa porque espero o galope lento, lento das palavras.

A poesia pode tudo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s